Hero Games Brasil ganha uma versão dedicada à indústria com o objetivo de estimular o uso da tecnologia de jogos para a inovação nas empresas cearenses. Em sua sexta edição, o evento conta com a parceria da FIEC e do IEL Ceará, por meio do seu Hub de Empreendedorismo e Inovação. (Foto: Hub de Inovação/ IEL Ceará)

Gamificação: jogos podem gerar vantagens competitivas para indústrias

Por: Conteúdo de Marca | Em:
Tags:

Pôquer, futebol, xadrez, vôlei, videogame, jogos de cartas ou jogos de tabuleiro. Não importa o jogo, todos nós, em algum momento da vida, já tivemos a experiência de se divertir ou se entreter com os jogos. Há algum tempo, os jogos ultrapassaram a barreira da diversão. Isso porque eles possuem uma lógica que leva os jogadores a sentirem-se motivados a atingir objetivos e metas bem concretas. E é por isso que os jogos têm se transformado em uma eficiente ferramenta com diversas aplicações. Nas empresas, não é diferente. A gamificação é uma tendência que veio para ficar.


Quer receber os conteúdos da TrendsCE no seu smartphone?
Acesse o nosso Whatsapp e dê um oi para a gente.


Mas, o que é gamificação? A palavra vem do inglês game, que significa jogo em português, e nada mais é que a adaptação da dinâmica dos jogos para um contexto além do entretenimento. Em outras palavras, é a inserção de elementos desse universo lúdico na vida real. Os jogos são naturalmente atrativos e envolventes e as suas características tornam atividades que poderiam ser desgastantes em tarefas dinâmicas, auxiliando o engajamento das pessoas nas ações.

Nas empresas, a gamificação pode ser definida como um processo no qual utilizam-se ferramentas, tecnologia e metodologia de jogos para a solução de problemas e para gerar ou potencializar resultados. O objetivo é aprimorar o desempenho do negócio, tornando-o mais produtivo e competitivo. Em países como Estados Unidos, Alemanha, China e Japão, a gamificação já é largamente empregada. Empresas como Volkswagen, Lego e Google vem adotando o método como peça central da sua estratégia, tornando-se até mesmo seu diferencial competitivo.

No Brasil, ainda há muito a explorar. Porém, já são conhecidas diversas empresas de pequeno, médio e grande portes que foram impactadas pela ludicidade dos games, tornando o ambiente empresarial mais inovador e disruptivo, além de transformando diversos processos em atividades mais engajadoras e, consequentemente, mais efetivas. Atualmente, a ferramenta está bastante atrelada à educação e capacitação de pessoas, mas a aplicação da gamificação vai muito além.

É possível valer-se da metodologia para diferentes propósitos, como a realização de planejamento estratégico, marketing, ações de relacionamento com o cliente, desenvolvimento de novos produtos ou aperfeiçoamento de produtos já existentes, pesquisa de mercado, recrutamento, onboarding (boas vindas e integração) de novos funcionários, comunicação interna, cultura organizacional, gerenciamento de projetos, cuidar da saúde dos funcionários e até mesmo para aumentar a motivação e produtividade nas tarefas cotidianas. 

“Os jogos corporativos são jogos que tem como objetivo uma dimensão muito maior que a do entretenimento, como por exemplo ensinar matemática a uma criança, auxiliar a operação de uma máquina, potencializar a experiência de compra de um cliente ou aumentar a motivação de uma equipe de colaboradores”, explica João Guilherme Studart, idealizador do Hero Games Brasil, evento que visa a disseminação do uso das tecnologias de jogos.

De acordo com ele, o que o que irá ditar a adoção da gamificação é o objetivo da empresa. Há diversas ferramentas disponíveis e outras podem ser criadas e customizadas de acordo com a necessidade de cada negócio.

“Inserido na tecnologia de jogos existe também a metodologia de gamificação, que é o uso de determinadas mecânicas de jogos em prol da evolução de alguns processos. Existem milhares de mecânicas de jogos que, com o devido procedimento, podem ser utilizadas para evoluir os processos empresariais”.

João Guilherme Studart, idealizador do Hero Games Brasil

Para aproximar o universo dos jogos à indústria cearense, será realizado de 29 de junho a 1º de julho o Hero Games Brasil – Gamificação a serviço da indústria, um evento que vai unir empresas e desenvolvedores de jogos em busca de soluções para os desafios da indústria. O evento será realizado em formato on-line, totalmente gratuito. A programação contará com vivências, rodadas de negócios, apresentação de cases e várias atividades elaboradas especialmente para a ocasião. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas no site www.herogamesbrasil.com.br.

Hero Games Brasil

O Hero Games Brasil é destinado a industriais, empreendedores, gestores, times de inovação e desenvolvedores de jogos. O evento é uma realização da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC), por meio do Instituto Euvaldo Lodi (IEL Ceará), Toque de Midas, Ascende Jogos e GamePlan Fortaleza, com parceria do Sebrae. 

O objetivo é sensibilizar os empresários sobre a importância do uso de jogos para a inovação e estimular o uso da gamificação nas empresas como um caminho para ganhar competitividade.

Antes do evento, foram realizadas palestras preparatórias para as atividades práticas, com o objetivo de introduzir os participantes no universo dos jogos. As palestras abordaram a utilização de jogos na indústria, o que os jogos podem fazer pela empresa, como os jogos induzem a inovação e geram vantagens competitivas, entre outros assuntos.

O conteúdo transmitido nas palestras servirá de base para as vivências on-line, ocasião em que o participante irá botar a mão na massa e realizar atividades práticas, identificando desafios operacionais das empresas e transformando esses desafios, com o uso da tecnologia de jogos, em soluções inovadoras. As vivências ocorrem até dia 22 de junho. 

O Hero Games Brasil surgiu em 2018 com o objetivo de difundir a tecnologia de jogos e em 2021 chega à sua sexta edição com a parceria da FIEC e do IEL Ceará, por meio do seu Hub de Empreendedorismo e Inovação. O IEL Ceará, sintonizado com as mais modernas metodologias e tendências do mercado, entende que a gamificação pode aprimorar o desempenho dos negócios cearenses, tornando-os mais produtivos e competitivos.

A ideia do evento é estimular o uso da gamificação entre as empresas cearenses. Para isso, foi montada uma programação especial que inclui rodadas de negócios, onde as empresas fornecedoras e compradoras de serviços de gamificação terão a oportunidade de apresentar demandas e serviços.

Outro destaque da programação são as apresentações de cases de sucesso das empresas fornecedoras de serviços de gamificação. O objetivo é gerar mais esclarecimentos a respeito da eficiência e eficácia da gamificação e mostrar para as indústrias a capacidade de entrega das empresas fornecedoras.

Serviço:

Hero Games Brasil – Indústria

Data: 29/6 a 1º/7

Local: On-line

INSCRIÇÕES GRATUITAS

Informações no site www.herogamesbrasil.com.br

A tradução dos conteúdos é realizada automaticamente pelo Gtranslate.
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Top 5: Mais lidas

Cadastre-se em nossa newsletter