O crescente aumento do uso da tecnologia em diversos setores da economia é notório e uma característica da chamada transformação digital. Muitas empresas passaram a incorporar a tecnologia digital em diferentes frentes de atuação, modernizando sistemas, operações e negócios. Na área da saúde não é diferente e a pandemia ocasionada pelo novo coronavírus abreviou aquilo […]

Startups: tecnologias de inovação otimizam sistema de saúde com soluções inteligentes

Por: Conteúdo de marca | Em:
Tags:, , , , , , ,

O crescente aumento do uso da tecnologia em diversos setores da economia é notório e uma característica da chamada transformação digital. Muitas empresas passaram a incorporar a tecnologia digital em diferentes frentes de atuação, modernizando sistemas, operações e negócios. Na área da saúde não é diferente e a pandemia ocasionada pelo novo coronavírus abreviou aquilo que antes era um projeto de futuro próximo para o presente. A necessidade do uso da tecnologia digital para encurtar distâncias e diminuir o tempo quando se trata de salvar vidas, foi um trampolim importante para as healthtechs, também conhecidas como startups de saúde.


Quer receber os conteúdos da TrendsCE no seu smartphone?
Acesse o nosso Whatsapp e dê um oi para a gente.


Grandes aliadas da saúde, as healthtechs estão no centro das atenções e em franco crescimento. Somente no mês de outubro, essa categoria de startups recebeu um investimento de US$ 24 milhões, segundo um levantamento da Distrito, hub de inovação especializado em startups. Ainda de acordo com o levantamento, isso representa crescimento de 235% no total de aportes em comparação com o mesmo período do ano passado. Não por acaso. Partindo de soluções básicas e impulsionadas pela flexibilização de questões regulatórias durante o isolamento social, como ocorreu com a telemedicina, agora elas estão avançando com soluções para questões mais complexas que visam a prevenção e inteligência de dados, passando por marcação de consultas, diagnósticos e até mesmo, leitura de exames clínicos.

Impulsionado por essa tendência, em 2019 o Sistema Hapvida adquiriu a Maida.heath, que se tornou uma holding de tecnologia da operadora de saúde. Com a atuação verticalizada nas cinco regiões do país, o Hapvida vem se valendo de inovações disruptivas para o atendimento de sua carteira que tem hoje mais de 6,7 milhões de beneficiários. Em um ano de atuação, alguns trabalhos importantes já foram implementados pela Maida.health. Dentre os destaques está o uso de Inteligência Artificial (IA) para o diagnóstico médico de exames via imagens, especialmente para os atendimentos de urgência, garantindo um alto nível de qualidade. Além de uma combinação de RPA (Robotic Process Automation) com uma IA especialmente construída para auxiliar na regulação de solicitações médicas. Estes resultados abriram ainda mais o caminho para nossa atuação junto às healthtechs externas.

Avançando o olhar para o mercado de startups em busca de mais inovações que possam agregar à performance da empresa nos próximos anos e, alinhados com os nossos pilares, lançamos recentemente o nosso primeiro programa estruturado de inovação aberta com startups (equity free), o Explora. A ideia é selecionar, em conjunto com a consultoria parceira Kyvo Design Driven Innovation, cinco startups em âmbito nacional que possam implementar pilotos em um prazo de até 4 meses, atuando com os seguintes desafios da companhia: como dar escala a programas de saúde preventiva, como implementar uma ferramenta para diagnóstico, gestão e treinamento quanto à LGPD, como melhorar a gestão de saúde e bem-estar do cliente a partir do seu histórico na empresa, como criar novas oportunidades a partir dos dados gerados pela empresa e como criar um canal mobile único de comunicação e serviços de RH para os nossos colaboradores.

E, conforme esperávamos, tivemos a inscrição de mais de 90 startups. Dentre elas, escolheremos cinco projetos para prototipação e implementação de pilotos, contribuindo não só para a otimização e excelência do atendimento à saúde dos nossos clientes como também para projeção dessas empresas e seus resultados junto ao Hapvida em um Demo Day.

A ansiedade em investir cada vez mais no aperfeiçoamento tecnológico que permita menor custo, maior abrangência e qualidade elevada, nos motiva a acreditar no presente. Por isso, daremos toda a mentoria necessária a essas startups para que possam desenvolver os seus pilotos não só com aporte financeiro, como também técnico, com os profissionais que temos dentro de casa, acompanhamento especializado e possibilidade de rollout a partir dos resultados apresentados e do potencial da startup. Além disso, as startups contarão com uma atuação voltada para comunicação e RP, além outros benefícios disponibilizados através da Comunidade Kyvo.

Esses desafios estratégicos atendem a necessidades atuais e ajudam a construir nossa visão de futuro para a empresa. Acreditamos que essa troca será uma trajetória produtiva de insights e experiências que refletirão na excelência do atendimento à saúde quando o objetivo principal é salvar vidas.

A tradução dos conteúdos é realizada automaticamente pelo Gtranslate.
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Top 5: Mais lidas

Cadastre-se em nossa newsletter